Chinês é preso por apresentar Zairyu Card falsificado

Publicado em 3 de agosto de 2017, em Crime

No mercado chinês do Japão, parece ser fácil comprar um cartão do residente estrangeiro (Zairyu Card) falsificado. Entenda como funciona.

&nbspChinês é preso por apresentar Zairyu Card falsificado
Modelo de Zairyu Card com hologramas para dificultar imitações

A Polícia da Província de Aichi anunciou a prisão de um homem de cidadania chinesa, de 28 anos. Ele foi algemado na quarta-feira (2), na cidade de Nagoia.

O motivo de ter sido levado pelas autoridades policiais é que ele portava um Zairyu Card ou cartão do residente falsificado.

Ele teria apresentado seu cartão como documento de identificação pessoal para fechar um contrato de locação de imóvel. Isso foi feito em 30 de junho, no centro de Nagoia, em Naka-ku.

A identidade dele não foi revelada, nem onde ele teria efetuado o contrato de locação.

&nbspChinês é preso por apresentar Zairyu Card falsificado
Explicação na página do governo sobre os 4 hologramas, como medida para evitar falsificação

Zairyu Card: obtenção e quanto custa um falsificado

Um blog de pessoa física, que traz informações sobre TI-tecnologia da informação, entrevistou várias “empresas” que prestam esse tipo de serviço de falsificação. “O preço de mercado varia de 50 a 100 mil ienes. Porém, se o pedido for acima de 20, é possível que cada um fique na casa dos 15 mil ienes”, descreve. A entrega é rápida. Mesmo que o pedido seja feito na China, depois de enviar a foto, em 3 dias chega ao Japão, segundo o blog.

O que deixou o blogueiro assustado é a qualidade do produto. O Zairyu Card tem 4 hologramas para dificultar a falsificação. Ele chegou a ver um exemplo de falsificado e constatou a quase perfeição da imitação dos hologramas.

Em tom de brincadeira ele escreveu “até poderia pensar em comprar um só pra ver”. Mas, ele logo adverte. Só de ter um desses em mãos está cometendo um crime, afirma o blogueiro. Finaliza informando qual é a pena para quem for pego portando um ou quem falsifica. “A pena de prisão é superior a 1 ano e inferior a 10 anos”, conforme a lei.

Fontes: polícia e blog cvisa.info
Imagens: governo

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Mudanças para o Brasil
Produtos Brasileiros no Japão
Mugen Homes - Construindo Sonhos
Clínica Dental ai - atendimento em português
Baladas no Japão
Empregos no Japão