Brasileiro é preso por ato indecente em Aichi

Publicado em 27 de julho de 2017, em Comunidade

Ele teria cometido ato indecente em uma garota, menor, e foi preso depois de 1 mês da ocorrência.

&nbspBrasileiro é preso por ato indecente em Aichi
Polícia de Aichi leva brasileiro suspeito de ato indecente 1 mês depois da ocorrência (foto ilustrativa: Wikimedia)

De acordo com o boletim da Polícia da Província de Aichi, em 25 deste mês, um brasileiro foi arrastado para a delegacia.

O motivo foi a suspeita de que em 14 de junho deste ano, em uma rua da cidade de Kariya, ele teria tocado o corpo de uma jovem, menor de idade.

Seu nome não foi divulgado, apenas que tem 32 anos, e que foi preso pela polícia de Kariya sob suspeita de ato indecente.

Ato indecente ou de obscenidade

Quando a polícia anuncia prisão sob suspeita do crime kyosei waisetsu (強制わいせつ), como foi o caso do brasileiro, esse pode ter um amplo significado.

A principal característica é o ato de obscenidade, utilizando, por exemplo, de ataque ou intimidação, sem o consentimento da vítima com idade acima de 13 anos, independente do sexo dela. Vai desde o toque no corpo, beijo à força à despir a vítima, caracterizando atentado ao pudor ou atentado violento ao pudor. A tentativa desses atos também é enquadrada como crime. Os casos de estupro não se enquadram aqui.

Nesses tipo de crime, o autor é preso e o grau de gravidade vai determinar o tempo de reclusão, a partir de 6 meses, segundo informação da página web Bengoshi Keiji Jiken.  

Fontes: divulgação e Bengoshi Keiji Jiken

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Mudanças para o Brasil
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Clínica Dental ai - atendimento em português
Campanha RH-Consulting
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas