Anônimo gastou 1 milhão de dólares em brinquedos na Toys R Us para doá-los

Publicado em 2 de julho de 2018, em Notícias do Mundo

Cliente anônimo comprou 1 milhão de dólares em brinquedos que restaram na loja para doá-los. Últimas lojas da rede nos EUA fecharam na sexta-feira (29).

&nbspAnônimo gastou 1 milhão de dólares em brinquedos na Toys R Us para doá-los
Em setembro de 2017, a Toys R Us, a maior rede de brinquedos dos EUA, declarou falência

As últimas lojas restantes da rede Toys R Us nos EUA, cerca de 700, encerraram suas operações permanentemente na sexta-feira (29), após uma liquidação final.

Uma das unidades da rede em Raleigh, no Norte da Califórnia, no entanto, fechou suas portas um pouco antes e por uma boa razão.

Um cliente anônimo comprou 1 milhão de dólares em brinquedos que restaram na loja para doá-los a crianças locais.

Os funcionários da unidade Triangle Town Center passaram o último dia na loja encaixotando os brinquedos para colocá-los em um caminhão.

O imenso gesto de boa vontade do comprador misterioso é um lado bom no que, para muitos, tem sido uma história triste sobre o fechamento de um icônico negócio americano.

A falência da empresa, certamente, segue o auge das lojas online onde consumidores podem comprar brinquedos com preços competitivos do conforto de suas casas.

Em setembro de 2017, a Toys R Us, a maior rede de brinquedos dos EUA, declarou falência.

Uma foto do mascote da Toys R Us, a girafa Geoffrey, saindo com um mala de uma loja vazia da rede viralizou, uma ilustração vívida do que se tornou uma história triste da indústria americana.

Fonte: CBS Chicago
Imagem: Banco de imagens

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Estude Japonês no Kumon
Fujiarte - Empregos no Japão
WAYSU - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão