EUA isentam alguns produtos de aço do Japão das tarifas globais de 25%

Publicado em 22 de junho de 2018, em Notícias do Mundo

A isenção se aplica a 7 empresas com sede nos EUA que importam produtos de aço do Japão e de outros 4 países.

&nbspEUA isentam alguns produtos de aço do Japão das tarifas globais de 25%
Em março o presidente Donald Trump introduziu tarifas globais de 25% sobre aço e 10% sobre alumínio, citando a necessidade de defender a “segurança nacional” (imagem ilustrativa/NHK)

O Departamento do Comércio disse na quarta-feira (20) que isentou alguns produtos de aço do Japão e de outros quatro países das tarifas globais dos EUA de 25% sobre importações do metal.

Publicidade

A isenção se aplica a sete empresas com sede nos EUA que importam produtos de aço do Japão, Suécia, Bélgica, Alemanha e China, disse o departamento.

Essa é a primeira vez que os EUA realizaram tal ação sobre uma base de produto desde março, quando o presidente Donald Trump invocou tarifas globais de 25% sobre aço e 10% sobre alumínio, citando a necessidade de defender a “segurança nacional”.

A ação cobre 42 “solicitações de exclusão” de sete empresas, incluindo a fabricante de barbeadores Schick Manufacturing de Connecticut, a empresa de ferramentas para corte Machi America, de Indiana, e a fornecedora de aço especial Hankev International, da Califórnia.

Contudo, não se sabe para quais produtos as fabricantes dos cinco países ganharam as isenções.

A decisão ocorreu após um processo para determinar se a indústria doméstica pode fornecer esses produtos com uma qualidade satisfatória e em quantidade suficiente, assim como se está no interesse de segurança nacional dos EUA conceder uma isenção para um produto específico, de acordo com o departamento.

Inicialmente, a administração de Trump isentou a Argentina, Austrália, Brasil, Canadá, União Europeia, México e a Coreia do Sul das taxas de importação, mas foi alvo de críticas por impor as tarifas sobre o Canadá, União Europeia e México em 1º de junho.

Aparentemente, as tarifas estavam visando a China enquanto a administração continuou a pressionar a líder emergente a reduzir seu excesso de capacidade – e exportações – nesses metais, uma situação que Trump diz prejudicar a indústria e empregos americanos.

Fonte: Nikkei
Imagem: NHK


Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - aprenda japonês de forma prática!