Temperaturas chegam a -67ºC em região da Rússia

Publicado em 17 de Janeiro de 2018, em Notícias do Mundo

Mesmo com temperaturas de -40ºC as crianças vão à escola, mas na terça-feira, com -67ºC, as aulas foram canceladas.

&nbspTemperaturas chegam a -67ºC em região da Rússia
Mesmo com temperaturas de -40ºC as crianças vão à escola, mas na terça-feira, com -67ºC, as aulas foram canceladas (Time/reprodução)

Nem os termômetros estão suportando as temperaturas em queda na região remota de Yakutia, na Rússia, que atingiram os 67 graus negativos em algumas áreas na terça-feira (16).

Em Yakutia – uma região de um milhão de pessoas localizada a cerca de 5.300 quilômetros ao leste de Moscou – rotineiramente, os estudantes vão à escola mesmo com temperaturas marcando 40 graus negativos.

Contudo, na terça-feira, as aulas foram canceladas em toda a região e a polícia pediu aos pais que mantivessem seus filhos dentro de casa.

No vilarejo de Oymyakon, um dos locais habitados mais frios do planeta, a rede de televisão estatal russa mostrou o mercúrio descendo para a parte inferior de um termômetro que foi ajustado para medir somente temperaturas abaixo de 50 graus negativos.

Em 2013, Omyakon registrou a temperatura mais baixa de todos os tempos, 71 graus negativos.

&nbspTemperaturas chegam a -67ºC em região da Rússia
Nessa foto em 14 de janeiro, Anastasia Grudzva posa para foto com suas amigas enquanto a temperatura caiu para cerca de -50ºC em Yakutsk, Rússia (sakhalife.ru. foto via AP)

No último fim de semana, dois homens morreram congelados quando tentavam andar até uma fazenda próxima após o carro em que estavam ter enguiçado. Outros três homens que estavam com eles sobreviveram porque usavam roupas mais quentes, segundo investigadores.

Residentes de Yakutia estão acostumados ao frio extremo e mesmo a temperatura negativa desta semana não dominou as manchetes locais na terça-feira.

Contudo, alguns meios de comunicação publicaram selfies relacionadas ao clima congelante e reportagens sobre façanhas no frio extremo.

Mulheres postaram fotos com seus cílios congelados, enquanto a Yakuti Media publicou uma foto de estudantes chineses que tiraram suas roupas para mergulhar em uma fonte de águas termais.

Fonte: Mainichi, AP
Imagem: Time

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Mudanças para o Brasil
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Empregos no Japão - Fujiarte
WAYSU - Trabalhe com segurança!