Coreia do Norte diz que Trump ‘acendeu pavio da guerra’

Publicado em 12 de outubro de 2017, em Notícias do Mundo

A declaração segue semanas de elevadas tensões entre o Norte e os EUA, alimentada pelos testes nucleares de Pyongyang e discursos enérgicos de Trump.

&nbspCoreia do Norte diz que Trump ‘acendeu pavio da guerra’
Trump “acendeu o pavio da guerra” contra a Coreia do Norte, disse a agência de notícias estatal russa TASS citando as palavras do ministro norte-coreano de Relações Exteriores

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, “acendeu o pavio da guerra” contra a Coreia do Norte, disse a agência de notícias estatal russa TASS citando as palavras do ministro norte-coreano de Relações Exteriores na quarta-feira (11).

A declaração segue semanas de elevadas tensões entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos, alimentada pelos repetidos testes nucleares de Pyongyang e discursos enérgicos de Trump.

“Pela sua declaração agressiva e insana na arena da Organização das Nações Unidas, Trump – pode-se dizer – acendeu o pavio da guerra contra nós,” teria dito Ri Yong-ho no site em inglês da TASS. “Precisamos resolver o resultado final, somente com chuva de fogo, não palavras.”

Durante suas observações na Assembleia-Geral da ONU realizada no mês passado, Trump ameaçou “destruir totalmente” a Coreia do Norte e zombou do líder do país, o qual ele chamou de “homem foguete.”

Ri, que chamou Trump de “mentalmente desequilibrado” após o discurso da ONU, disse à TASS que a Coreia do Norte estava “ganhando” e representou “um contraponto digno” aos Estados Unidos.

Ecoando ameaças anteriores feitas pelo líder norte-coreano, Ri disse, “os Estados Unidos deveriam agir de forma sensível e parar de nos abordar se eles não quiserem desgraça para eles mesmos em face ao mundo todo,” salientando que as forças de sua nação “não deixarão a América, o país agressor, impune.”

É provável que os comentários de Ri continuem alimentando uma crescente tensão de guerra de palavras entre Trump e Kim.

Sem condições de diálogo com os EUA

Questionado por um repórter da TASS se um diálogo entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos era possível, Ri disse que não.

“A atual situação – quando os Estados Unidos recorrem à máxima pressão e sanções, para exorbitar ameaças militares contra a República Popular Democrática da Coreia – não é uma total atmosfera para negociar,” disse Ri, de acordo com a TASS.

Fonte: CNN
Imagem: Bank Image

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Mudanças para o Brasil
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Clínica Dental ai - atendimento em português
Campanha RH-Consulting
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Baladas no Japão