Mulher se mata junto com os filhos após marido forjar morte

Publicado em 18 de outubro de 2018, em Ásia

O homem forjou a própria morte para receber dinheiro do seguro, mas a esposa não sabia do plano do marido.

&nbspMulher se mata junto com os filhos após marido forjar morte
O plano do homem para receber dinheiro do seguro de vida chegou a proporções trágicas. Na imagem acima o casal He e Dai (Weibo via BBC)

Um homem na China, cuja esposa se matou junto com os filhos após ele alegadamente ter forjado a própria morte para receber o dinheiro do seguro de vida, se entregou à polícia.

Publicidade

O homem de 34 anos supostamente morreu após o carro que dirigia ter sido encontrado em um rio, embora seu corpo nunca tivesse sido recuperado.

Ele não disse à esposa sobre seu suposto plano e ela acreditou que ele tinha morrido.

Ela então pulou  em um lago com seus dois filhos pequenos após postar online uma mensagem de suicídio.

Segundo a polícia, o nome do homem é He e ele se entregou na delegacia em Xinhua, na província de Hunan, em 12 de outubro.

Ele foi detido sob acusações de fraude de seguro e danos intencionais à propriedade, disse a polícia de Xinhua em uma declaração na plataforma de mídia social WeChat.

No início de setembro, He adquiriu um plano de seguro no valor de um milhão de yuans ($145.000) sem o conhecimento de sua esposa, disse a polícia.

De acordo com uma reportagem divulgada pela mídia estatal Voice of China, a esposa Dai foi colocada como beneficiária.

Em 19 de setembro, He usou um veículo emprestado para forjar sua própria morte em um acidente de carro, disse a polícia. Descobriu-se que ele tinha pego empréstimos de mais de 100.000 yuans.

Em 11 de outubro, os corpos de sua esposa de 31 anos e de seus dois filhos, um menino de 4 e uma menina de 3, foram encontrados em um lago perto da residência onde moravam, de acordo com o Voice of China.

Na mensagem de suicídio postada no WeChat, ela escreveu que a família do marido a culpava pelo desaparecimento dele, dizendo que ela não tinha um trabalho e que gastava muito dinheiro.

Ela explicou que não trabalhava porque queria cuidar da filha mais nova e que seus gastos eram razoáveis.

“Quero usar minha vida para provar a mim mesma”, disse ela na mensagem.

Dai também disse que o marido e ela eram felizes no casamento e que sentia muita falta dele. Ela escreveu que estava cometendo suicídio e levando as crianças para que a família pudesse ficar junta.

He se entregou no dia seguinte após saber da morte de sua família.

Antes, ele havia postado um vídeo online o qual circulou amplamente, em que ele chorava e dizia que tinha emprestado dinheiro para pagar o tratamento de sua filha de 3 anos, que sofria de epilepsia.

O incidente foi amplamente comentado em toda a mídia social chinesa na última semana, espalhando discussões sobre pressões financeiras e questões de família.

A hasgtag #ManFakesDeathLeadingtoWifeDeath foi vista quase 29 milhões de vezes no microblog Weibo.

Fonte: BBC, Straits Times
Imagem: BBC, Banco de imagens


Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - aprenda japonês de forma prática!