A evolução dos vinhos japoneses

Publicado em 10 de junho de 2017, em Culinária, História

O vinho japonês vem se destacando dentro e fora do país. Confira essa matéria especial sobre os vinhos japoneses.

&nbspA evolução dos vinhos japonesesVocê sabia que no Japão o consumo de vinho alavancou nestes últimos anos? O consumo de vinho aumentou em 50% nestes últimos 10 anos, e um dos vinhos mais apreciados é justamente o “vinho japonês”.

Publicidade

O vinho japonês vem se destacando no exterior e muitos conquistaram medalhas em renomados concursos internacionais. As províncias de Yamanashi e Nagano são conhecidas pelo cultivo de uvas, mas ultimamente quase todas as províncias estão produzindo seu próprio vinho.

Por que será que a criação do “vinho japonês” está crescendo tanto?

A beleza do vinho japonês&nbspA evolução dos vinhos japoneses

Em Shibuya (Tóquio), há um bar de especializado em vinhos muito conhecido que vive lotado mesmo nos dias de semana. O maior destaque do bar é justamente o vinho japonês.

Esta loja reúne 60 tipos de vinho cultivados desde Hokkaido até Miyagi. Uma cliente de Tottori disse que gosta muito de apreciar os vinhos de sua região. Segundo a cliente, “antigamente, os vinhos japoneses estavam mais para saquês de uva. Agora, são realmente deliciosos vinhos.”

Um outro bar de vinho de uma marca de bebidas famosa foi inaugurado há 2 anos em Ginza (Tóquio) e reúne aproximadamente 30 tipos de vinho. O principal ganha-pão da loja são as inúmeras receitas feitas com ingredientes coletados nas regiões onde cada uva foi cultivada. Por exemplo, um prato perfeito para apreciar junto a um vinho de Hokkaido é a carne do veado “yezo sika”, cujo habitat é Hokkaido.

&nbspA evolução dos vinhos japoneses

Desta forma, as áreas de produção dos vinhos japoneses estão se destacando, e muitas lojas estão apostando em pratos típicos de cada região para uma experiência única. Noriko Kurahashi, da Sapporo Beer Wine, explica que “desejamos fortemente que a forma de apreciar o vinho japonês com pratos com muito variedade preparados com ingredientes característicos de cada área de produção.”

Uvas com qualidade melhorada!&nbspA evolução dos vinhos japoneses

Um dos principais motivos do vinho japonês ter se destacado tanto é o aumento da qualidade das uvas. O fabricante de vinhos mais antigo do Japão está localizado em Yamanashi, e possui 140 anos de história. Foi a primeira empresa a utilizar uvas cultivadas especialmente para a fabricação de vinho no Japão.

O gerente da fábrica da Mercian Corporation, Hironori Matsuo explica que “se fabricarmos muitas uvas, muitos componentes acabam se perdendo. A partir do controle da produção, podemos coletar uvas que desejamos coletar.”

A Mercian diminuiu a quantidade de uvas capazes de serem coletadas para concentrar o sabor e aroma nas uvas antes da fermentação.

Vinhos japoneses: a procura de um aroma mais agradável

Além disso, muitas pesquisas para determinar o melhor período para a coleta da uva estão sendo realizadas. Por muitos anos, o vinho japonês vinha enfrentando o problema de possuírem um aroma fraco. Para resolver esse problema, os fabricantes tentaram especificar o período em que as substâncias aromáticas características das uvas atingem seu pico.

Por exemplo, o tipo “Koshu” atinge seu o pico de substâncias aromáticas no meio de Setembro, antes do amadurecimento. Após esse período seu aroma começa a piorar drasticamente.

&nbspA evolução dos vinhos japoneses

Antigamente, muitos fabricantes coletavam a uva após seu amadurecimento. Contudo, após o resultado das pesquisas, ficou claro que, para fabricar vinhos com um aroma mais encorpado, deve-se coletar a uva antes do amadurecimento.

Daiki Kiyomichi, do laboratório técnico do Kirin Wine, comentou que “para obter o melhor aroma característico, nós conseguimos fabricar um vinho com um aroma mais forte ao escolher a época de colheita, cultivar as uvas e as fermentar.”

Hokkaido e seu deliciosos vinhos

Uma das áreas que mais vêm se destacando é Hokkaido. A província possui a maior área de cultivo de uvas para vinhos do Japão!

Ichiro Ueda, que abriu uma vinícola há 6 anos e utiliza agricultura orgânica para produzir vinhos, comenta que “o número de vinícolas e plantações de uva está crescendo em Hokkaido. Os vinhos estão ganhando medalhas em exposições e o gosto está melhorando cada vez mais.”

Muitas vinícolas estão sendo abertas em Hokkaido&nbspA evolução dos vinhos japoneses

Recentemente, muitas pessoas como o senhor Ueda estão abrindo vinícolas em Hokkaido. Nestes últimos 10 anos, o número de vinícolas na região duplicou. O maior motivo do aumento da fabricação de vinhos é o aumento da temperatura média na região, que permitiu o cultivo de mais tipos de uvas.

A uva Pinot Noir, utilizada para a fabricação de vinhos de luxo franceses, é cultivada na temperatura média de 14ºC entre a primavera e o outono.Até o momento atual, uvas desse tipo eram cultivadas apenas em regiões frias da Europa, contudo, como a temperatura média de Hokkaido está aumentando desde 1998, ficou muito mais fácil cultivá-las em Hokkaido.

Além disso, o governo está apoiando a abertura de novas vinícolas. Nas prefeituras de Hokkaido, estão sendo realizadas cursos de formação lecionados por especialistas do exterior para as pessoas que desejam abrir vinícolas.

Hokkaido em destaque no exterior

&nbspA evolução dos vinhos japoneses
Harumi Takahashi, governadora de Hokkaido, cumprimentando o representante da Domaine de Montille

Não são apenas produtores nacionais que estão de olho em Hokkaido.

Um representante de uma vinícola francesa de 300 anos de história resolveu produzir vinho em Hokkaido. Trata-se da vinícola Domaine de Montille. O representante da empresa disse que “escolhemos Hokkaido porque sentimos potencial na fabricação de vinho no local.”

O potencial do vinho japonês

O aumento das vinícolas gerou a maior necessidade de plântulas pelo país. Embora os poucos fornecedores de mudas do país estejam recebendo muitos pedidos de seus clientes, eles estão negando muitos pedidos devido à impossibilidade de fornecer a todos.

As municipalidades de cada região começaram a criar sistemas de apoio à produção de mudas para a produção de vinhos não ser atrapalhada. Entretanto, muitas vinícolas estão tendo que desistir de obter as mudas.

Contudo, a partir da primavera do ano seguinte, apenas os vinhos produzidos com uvas nacionais serão denominados “vinhos japoneses”. Com isso, espera-se que aumente ainda mais a produção de vinhos nacionais.

Os responsáveis esperam que o vinho japonês obtenha ainda mais destaque durante as Olimpíadas de Tóquio.

Fonte: NHK News


Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - aprenda japonês de forma prática!