Como evitar infecção por Campylobacter e sintomas

Publicado em 19 de dezembro de 2018, em Saúde, Bem-Estar e Cotidiano

Com a chegada do final do ano é preciso redobrar os cuidados na cozinha, para evitar a infecção por Campylobacter.

Neste Artigo:
&nbspComo evitar infecção por Campylobacter e sintomas
Os sintomas da infeção por Campylobacter deixam a pessoa com muito mal-estar (Flickr)

É preciso tomar muito cuidado para evitar a infecção pela Campylobacter, conforme indica o nome, uma bactéria. Ela pode estar, inclusive, dentro da geladeira.

Publicidade

Com a chegada da época das festas as famílias costumam preparar pratos com frango ou peru. Apesar dessa bactéria estar presente em outros alimentos, os tratos digestivos das aves também podem estar infectados. Mas não se assuste. Basta seguir os cuidados.

&nbspComo evitar infecção por Campylobacter e sintomas
Frango ou peru assado fazem parte das mesas nas festas de fim de ano (Flickr)

Sintomas da infecção por Campylobacter

Os sintomas se parecem com o da gripe, com mal-estar e febre que pode variar de 38 a 40ºC. Além disso as pessoas podem sentir ânsia de vômito, calafrio, dor de cabeça, dor abdominal e ter diarreia. Também podem ter cãibra.

Começam após 2 dias da exposição e os sintomas se prolongam até 1 semana.

O exame é feito através da coleta das fezes e ocasionalmente, de sangue.

Há pessoas que se fizerem a reposição do líquido que perdem se recuperam rapidamente.

Porém, há outras que precisam tomar antibiótico, sob recomendação médica. O ideal é procurar logo um hospital para que não tenha complicações futuras, causando outras doenças como bacteremia, síndrome de Guillan-Barré e artrite reativa.

Como se prevenir

&nbspComo evitar infecção por Campylobacter e sintomas
Cuidados depois do manuseio do frango (Pixabay)

Uma das formas de evitar é lavando bem as mãos, principalmente quando chega da rua. Além de ajudar a evitar a influenza, serve para essa infecção também.

Outra atitude é manter a geladeira limpa e higienizada. A Campylobacter pode sobreviver por um longo tempo em ambiente de baixa temperatura, por isso, a geladeira não está livre dela.

Antes de colocar a bandeja de frango comprada no supermercado, na geladeira, lembre-se de reembrulhá-la com um plástico ou colocá-la em uma outra vasilha limpa, mantendo distância de outros alimentos.

Pia e utensílios de cozinha

&nbspComo evitar infecção por Campylobacter e sintomas
Higienizar tudo após o manuseio do frango, inclusive para não infectar os legumes e hortaliças (Pexels)

Lavar e higienizar com água sanitária a pia da cozinha, os utensílios como faca e tábua de cortar carne, os talheres usados para a manipulação, o escorredor de legumes e hortaliças e tigelas usadas para o preparo dos alimentos. Tudo isso deve ser feito especialmente depois de manusear o frango cru.

Como essa bactéria é fraca à alta temperatura, tome o devido cuidado de se certificar que a carne do frango está bem cozida, frita ou assada.

Em geral, aqueles pedaços de frango cozido que vão na salada mista podem estar mal passados. Ou os que são fritos. Por isso, confira sempre se não tem nada vermelho ao partir um pedaço.

Como a Campylobacter sobrevive pouco tempo em ambientes secos, é importante ter em mente a limpeza e a secagem dos utensílios e equipamentos de cozinha.

Com esses cuidados simples, a refeição da família pode ser preparada de forma segura.

Boas festas!

Fontes: NIID e CookPad


Vamos comentar?

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Empregos no Japão - Good Support!!
IKAI - Empregos no Japão!