Coreia do Norte disparou míssil contra o Japão neste domingo

Publicado em 12 de Fevereiro de 2017, em Aconteceu Hoje, Notícias do Mundo

A Coreia do Norte disparou um míssil contra o Japão na manhã deste domingo, logo após a reunião entre Abe e Trump nos Estados Unidos. Saiba os detalhes.

&nbspCoreia do Norte disparou míssil contra o Japão neste domingo

De acordo com o pronunciamento do porta-voz do gabinete do Primeiro-Ministro, Yoshihide Suga, o míssil balístico partiu do mar ao oeste da Coreia do Norte, de Banghyon, às 7h55, em direção ao leste do Japão. O míssil teria percorrido uma distância de 500 Km e presume-se que tenha caído no Mar do Japão, neste domingo (12). O anúncio sobre o lançamento foi feito neste domingo, por volta das 11h00.

O lançamento do míssil balístico ocorreu depois de cerca de 4 meses do último. De acordo com a imprensa sul coreana, o míssil balístico é de médio alcance, do tipo Musudan ou No-dong. Esse foi o primeiro desde que Trump assumiu a presidência dos Estados Unidos.

O míssil foi lançado logo após o encontro entre o Primeiro-Ministro Shinzo Abe e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. “Nós vemos isso como parte de uma tentativa da Coreia do Norte para chamar a atenção, demonstrando suas capacidades nucleares e de mísseis e para combater a linha de política forte da nova administração dos Estados Unidos contra esse país”, disseram as forças militares sul coreanas em sua declaração.  

Lançamento do míssil repercute imediatamente nos EUA

Abe condenou o lançamento do míssil como “absolutamente intolerável”. Trump seguiu Abe dizendo “eu só quero que todos entendam e saibam perfeitamente que os Estados Unidos estão ao lado do Japão, seu grande aliado, 100% “.

Abe pronunciou que a Coreia do Sul deveria cumprir  todas as resoluções pertinentes do Conselho de Segurança das Nações Unidas.

Segundo a imprensa sul coreana, a avaliação é de represália também à própria Coreia do Sul, por ter firmado um acordo de fortalecimento das relações com os Estados Unidos, no último dia 2. Além disso, está programado para março um grande treinamento militar em conjunto com as forças militares de ambos os países.

Segundo o noticiário da ANN o lançamento do míssil neste domingo é visto como um ato de represália a essas ações do Japão, Coreia do Sul e Estados Unidos.

 

Fontes: NY Times, ANN e NHK
Fotos: ANN e NHK

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Mudanças para o Brasil
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Clínica Dental ai - atendimento em português
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Empregos no Japão - KOWA
KOWA - Trabalhe com segurança!
UNIP - Faculdade à distância no Japão!