Pornografia infantil: Redes sociais são um dos meios mais utilizados no Japão

Publicado em 21 de abril de 2017, em Sociedade

Casos de pornografia infantil estão aumentando no Japão. Veja quais são as redes sociais mais utilizadas pelos pedófilos.

&nbspPornografia infantil: Redes sociais são um dos meios mais utilizados no JapãoSegundo o Departamento de Polícia, no ano passado, os casos de menores de idade que sofreram abusos sexuais começados em relações nas redes sociais atingiram o maior número desde a criação desta estatística em 2008. Ao total foram 1.736 vítimas, aumento de 84 pessoas em relação ao ano retrasado.

O crime com maior incidência foi o de “violação das leis de proteção à crianças e adolescentes” (662 casos), que proíbe relações sexuais e outros com menores de idade. Em seguida, vieram os crimes de pornografia infantil (563 casos) e prostituição infantil (425 casos).

O relatório da polícia também separou os casos por idade. Segundo o relatório, uma grande parte das vítimas tinham 16 anos (450 casos) e 17 anos (420 casos). Fora isso, a polícia registrou 71 casos que envolvem crianças com menos de 12 anos de idade.

Em relação às redes sociais, o Twitter foi o mais utilizado pelos pedófilos: 446 casos começaram na rede social. Em seguida, a rede Gyaruru, site de relacionamentos, e o LINE foram os mais utilizados. Ao total, foram 136 e 124 casos, respectivamente.

O Departamento de Polícia pediu para que as empresas de gestão dessas redes sociais se esforcem para impedir o aumento das vítimas e compartilhem informações e contra-medidas com outras empresas.

Fonte: NHK News

Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Mudanças para o Brasil
Produtos Brasileiros no Japão
Mugen Homes - Construindo Sonhos
Clínica Dental ai - atendimento em português
Baladas no Japão
Globo Internacional, mais acessível no Japão