O significado dos nomes das províncias do Japão – Especial Hokkaido e Tohoku (Parte 1 de 7)

Publicado em 25 de janeiro de 2016, em História, Tradições do Japão e atualizado em 7 de janeiro de 2017 as 3:36 PM

Vamos conhecer um pouco da cultura do país em que vivemos? Veja a origem e o significado dos nomes das províncias do Japão, começando por Hokkaido e Touhoku!

Especial Significado das provincias - Hokkaido e Touhoku - Destaque

Publicidade

47 províncias em um território com apenas 377.900 km². Só para se ter ideia, o Brasil é 22,5 vezes maior que o território japonês (8.516.000 km²), e possui menos unidades federativas que o Japão (26 estados e 1 distrito federal).

Mas vocês já se perguntaram qual o significado dessas províncias? Entenda hoje estes significados e sua origem e história, nesta edição especial de Hokkaido e Touhoku!

Região de Hokkaido

Especial Significado das provincias - Hokkaido Mapa
Representação/Imagem: Wikipedia

1 – Província de Hokkaido – 北海道

Hokkaido possui apenas 1 província que leva o nome da região.

A região leva esse nome devido a um explorador geográfico japonês, Matsuura Takeshirou, que foi responsável a dar um novo nome à região devido a mudanças políticas no fim da era Edo.

Ele havia escolhido 6 nomes: Hitakami (日高見), algo como “vista alta do Sol”; Hokkai (北加伊), ou “bárbaros do Norte”; Kaihoku (海北), “Mar do Norte”; Umishima (海島), “Ilha do Mar”; Touhoku (東北), “Nordeste”; e Chishima (千島), “Mil Ilhas”.

Destes nomes, foi escolhido Hokkai (北加伊), e com o acréscimo “Dou”, ficou “Hokkaidou” (北加伊道). Um tempo depois, o “Kai” (加伊), foi modificado para “Kai” de mar, tornando-se o kanji 北海道, devido ao mar em volta.

Região de TouhokuEspecial Significado das provincias - Touhoku Mapa

 

1 – Província de Aomori – 青森県

OLYMPUS DIGITAL CAMERA
Castelo de Hirosaki (Representação/Imagem: Wikipedia)

Em Novembro do ano 4 da Era Meiji (1871), o clã Hirosaki, que possuía sua base no atual bairro de Hirosaki (província de Aomori), mudou sua sede para a cidade de Aomori.

Na era Edo, o clã Hirosaki havia construído um porto na atual cidade de Aomori, e foi nessa época que a cidade e a província receberam seus nomes. Ao () significa azul e Mori () floresta. Traduzindo literalmente, este nome tem o significado de Floresta azul, devido ao grande número de florestas e a presença do mar.

2 – Província de Iwate – 岩手県

Deus Mitsuishi - Era representado por 3 rochas.
Deus Mitsuishi – Representado por 3 rochas  (Representação/Imagem: blog.livedoor.jp)

O nome Iwate vem do governo provincial construído na Morioka, no condado de Iwate.

Sua origem vem da crença religiosa que o povo tinha no Deus Mitsuishi (que hoje possui um templo na região), que punia os espíritos malignos da região. Após punir e expulsar os demônios e afins, os demônios prometeram não entrar mais na região, e para isso, ao Deus Mitsuishi entregaram uma pedra com uma espécie de juramento ao Deus.

O Deus era representado por uma rocha na época, a Ouiwa (大岩).

Iwate tem esse nome devido ao juramento, Tegara (手形), ter sido escrito em uma pedra, Iwa ().

3 – Província de Miyagi – 宮城県

Tagajo em Miyagi
Tagajo em Miyagi (Representação/Imagem: blog.goo.ne.jp)

O condado de Miyagi fazia parte do Mutsunokuni (陸奥国), que no passado era um Distrito de Governo Local. Quando a capital desta região foi mudada para o castelo de Tagajo (多賀城) em Miyagi, a cidade recebeu este nome devido à influência que tomara e dos templos locais.

Em japonês, Miyagi ficou conhecida como pela frase 宮なる城の所在地 (Miyanaru shiro no shozaichi), que traduzindo, seria algo como: “A localização do Castelo Sagrado”.

4 – Província de Akita – 秋田県

Matsuri em Akita
Matsuri em Akita  (Representação/Imagem: Wikipedia)

No primeiro livro japonês sobre a história do país, o Nihonshoki (日本書紀) ou “Crônicas do Japão”, a cidade era conhecida como Agita (齶田), que seria algo como “terra de queixos”.

No meio do século 7, o comandante militar (ou Shogun) Abe Hirafu, liderou uma expedição com a Marinha para estas terras. Após isso, a região passou a ter o kanji 飽田 (Agita). Este kanji significa terra de baixa umidade, o que representava as terras inférteis da região.

Apenas na era de Tenpyo, o nome trocou para o atual, que significa “os campos onde crescem o arroz”.

5 – Província de Yamagata – 山形県

Monte Zao na fronteira entre Yamagata e Miyagi. (Representação/Imagem: Wikipedia)
Monte Zao na fronteira entre Yamagata e Miyagi  (Representação/Imagem: Wikipedia)

Segundo o livro Wamyō Ruijushō (和名類聚抄) escrito no início da era Heian, na parte do Sul da atual cidade de Yamagata, havia uma vila conhecida como Yamagatakyou (山方郷), e daí veio o nome.

Yamagata significa a parte inferior de uma montanha. Ficou conhecida desse jeito por causa dos aldeões que viviam na parte inferior das montanhas.

6 – Província de Fukushima – 福島県

Cidade de Fukushima
Cidade de Fukushima  (Representação/Imagem: Wikipedia)

Para o nome Fukushima, há 3 teorias:

1- No segundo ano da era Bunroku, o imperador Kimura Yoshikiyo utilizava criou nessa região o castelo de Fukushima, e daí veio o nome da província.

Não há nenhuma informação do porquê dele ter escolhido esse nome.

2 – Na era Sengoku, as regiões de Nakadoori (中通り) e Aizu (会津), localizadas em Fukushima, ficaram sob a supervisão de Gamou Ujisato (蒲生氏郷), um homem que o daimiô da época, Kimura Yoshikiyo, confiava muito.

Ujisato fez como base de seu governo o castelo de Aizu Kurogawa (会津黒川城), e fez como forte de sua base, o castelo Suginome (杉目). Porém estes nomes traziam maus presságios (Kurogawa significa “rio negro” e Suginome “olho de Sugi”, uma árvore), Ujisato trocou estes nomes para Wakamatsu (若松), ou “pinho jovem”, e Fukushima (福島), respectivamente.

Fukushima significa uma ilha repleta de boa sorte.

Castelo de Aizu Wakamatsu (Representação/Imagem: blogs.yahoo.co.jp)
Castelo de Aizu Wakamatsu (Representação/Imagem: blogs.yahoo.co.jp)

3 – No antigo condado de Shinobu (信夫郡), havia um grande lago onde no centro havia uma montanha, a Shinobuyama (信夫山).

Por esta montanha, sopravam os ventos vindos do noroeste, logo a região ficou conhecida como Fukushima (吹島). Fuku significa “soprar, ventar”.

Após um longo período de tempo, este rio começou a secar, e surgiram várias aldeias no local, e estas aldeias começavam a não gostar desse vento, e a região passou a ter o kanji de “soprar” para o de boa sorte .&nbspO significado dos nomes das províncias do Japão - Especial Hokkaido e Tohoku (Parte 1 de 7)

O que você achou desta matéria? Deseja que tenha continuação? Escreva nos comentários!

Fonte: Matome Naver


Deixe seu comentário nesta página!

Neste Artigo:

Outras Notícias

.
Passagens Aereas para o Brasil
Casa Própria no Japão
Produtos Brasileiros no Japão
Produtos Brasileiros no Japão - Mugen Foods
Empregos no Japão - Konishi Sangyo
Empregos no Japão - Team Altas
Fujiarte - Empregos no Japão
FUJIARTE - Empregos no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Apartamentos para alugar no Japão
Kumon - aprenda japonês de forma prática!